REPERCUTE ENTREVISTA DE DIRETOR DO SAAE, A RÁDIO TROPICAL SATFM

blogqspsaaejoaquinneto (1)Participação do diretor presidente do SAAE no programa Bastidores da Notícia, gerou um debate na cidade, reverberando na câmarade vereadores através de discurso do vereador Zé Carlos Medeiros, criticando as informações prestados por Joaquim Neto

A entrevista

Na entrevista o diretor-presidente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Juazeiro, Joaquim Neto, destacou investimentos realizados durante os quatros anos de gestão, potencializando o sistema, com aquisição de duas estações modulares com 13 novos filtros; construção de mais de 15 km de adutoras; aquisição de um novo flutuante para captação de água, aumentando consideravelmente o abastecimento no município.

Como pegou o SAAE

Logo na abertura do programa, o diretor da autarquia falou sobre a situação critica que o SAAE foi encontrado em 2009, e que em alguns meses de nova administração a situação do abastecimento de água foi equilibrado em Juazeiro. “Pagamos todos os débitos nos primeiros anos. Só com a empresa Coelba era mais de R$ 900 mil. Temos consciência que ainda há muito que fazer no município, mas durante esse tempo conseguimos aumentar em mais de 40% o fornecimento de água”.

Joaquim Neto adiantou que nas próximas semanas o SAAE vai realizar a troca dos registros localizados na Estação de Tratamento de Água, e que também terá um novo motor de 100 c/c. Também já foi iniciada a construção de uma nova adutora de 400 mm, sendo colocada uma média de 780 metros de tubulação, no total de 2.500 metros. “Com o término dessa adutora tenho a tranquilidade de dizer que em breve nós iremos resolver definitivamente o problema de falta de água na cidade”.

Sobre algumas ocorrências de falta d’água, o diretor enfatizou o crescimento das residências, que foram mais de 8.000 mil novas residências no município. “Hoje temos a necessidade de realizar manobras em alguns bairros da cidade, para conseguirmos equilibrar o sistema de água e que todos os usuários possam ter água em casa. Peço a compreensão dos usuários, mas estamos trabalhando diurnamente para solucionar de vez a falta de água”, disse.

Joaquim também pediu para a população que ajude a autarquia a combater as ligações clandestinas. Os usuários que se sentirem prejudicados e souberem dos casos irregulares podem denunciar ao SAAE pelos telefones (74) 3611-8745/ 3612-8769, informando o local onde há suspeita da ligação clandestina e não precisa se identificar. O setor de atendimento do órgão fica localizado na Rua do Paraíso, n° 02, bairro Santo Antônio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>